Como gerar vendas a partir das demandas dos clientes?

Como você gerencia oportunidades para gerar vendas?

Como sua equipe registra esses acontecimentos?

 

O cliente Rodrigo vai até a sua loja.

Ele procura pelo produto Whey Protein sabor chocolate, já que o estoque na casa dele está acabando!

A vendedora Michele atende o Rodrigo. Durante essa conversa, ela informa para ele que esse produto estava em falta no estoque.

Rodrigo sai da sua loja. Pouco tempo depois, ele vai até outra loja e compra o produto, simplesmente porque havia estoque do produto nessa outra loja.

 

Quantas vezes essa cena acontece na sua loja?

Como você poderia aproveitar essa demanda para gerar vendas?

 

Agora, imagine a mesma cena inicial, mas agora a Michele tem um recurso a seu favor!

Durante o atendimento, ela conversa com o Rodrigo e pergunta se ele gostaria que ela fosse em busca do produto que ele quer comprar.

O Rodrigo aceita a sugestão. A vendedora, portanto, acessa o Kiskadi – que está aberto no computador do caixa – e clica no módulo “Pendências“.

 

Nessa tela, Michele preenche rapidamente:

  • o cadastro do Rodrigo – digitando só o início do telefone, do nome ou do CPF;
  • o produto que o Rodrigo solicitou;
  • a data limite para atender o Rodrigo.

 

Rodrigo registrou o pedido, mas foi para a casa sem o Whey Protein de chocolate. Com o celular na mão, ele pesquisa o produto na internet.

Enquanto isso, a Michele entra em contato com o fornecedor e solicita reposição do Whey Protein de chocolate. Dois dias depois, a Michele receba a encomenda.

 

Agora, a Michele acessa o Kiskadi e envia uma mensagem para o Rodrigo!

 

Na mesma tela das pendências, ela envia uma mensagem pelo WhatsApp (Web) para avisar o Rodrigo que o Whey Protein de chocolate está disponível na loja.

O Rodrigo já havia pesquisado sobre o produto na internet, mas o custo do frete era um empecilho para ele finalizar a compra virtualmente. Dado que ele ainda tinha  estoque do Whey Protein em casa para os próximos dias, ele não comprou imediatamente depois de não ter encontrado. Nos próximos dias, ele iria procurar o produto em outras lojas perto da sua casa.

 

A Michele entrou em contato com ele!

O Rodrigo sentiu que a vendedora realmente deu atenção para a sua demanda.

Nessa ação, a marca da loja ganha valor na “imagem” que o cliente constrói a partir da sua experiência nas interações com a marca.

O Rodrigo voltou na loja antes do seu estoque acabar. Ao chegar na loja, ele procurou pela Michele.

Ela o atendeu e conseguiu atender a sua demanda:

“Consegui o Whey Protein de chocolate que você procurava!”

Nesse momento, todos os envolvidos ganham:

  • a loja: ganha fidelização do cliente e agrega valor da marca;
  • o cliente: ganha atendimento de qualidade e demanda solicitada;
  • a vendedora: ganha o coração cliente e comissão de venda.

 

Quando o Rodrigo precisar de novo de Whey Protein, onde ele vai procurar?

Ou quando ele precisar de outro produto desse ramo, de quem ele vai lembrar?

 

Esse tipo de experiência positiva marca o cliente e resulta em uma fidelização que pode agregar muito valor para a loja.

 

Como a sua loja registra esses acontecimento?

Como você aproveita as demandas dos clientes para gerar vendas?

 

Agende uma demonstração com a Kiskadi e descubra como podemos gerar vendas para a sua loja!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *